Vacinas foram aplicadas fora do prazo de validade no Maranhão; Presidente Dutra e Tuntum estão entre os municípios

Pouco mais de 1200 doses da vacina AstraZeneca foram aplicadas fora do prazo de validade no Maranhão. No país ao menos 26 mil doses vencidas do imunizante foram distribuídos em diversos postos de saúde do país, o que compromete sua proteção  contra a Covid-19. Os dados constam de registros oficiais do Ministério da Saúde.

Até o dia 19 de junho, os imunizantes com o prazo de validade expirado haviam sido utilizados em 1.532 municípios brasileiros e 80 cidades maranhenses.

No Maranhão, as cidades de São Luís, Presidente Dutra (216 doses) e Tuntum (114 doses), foram as que mais aplicaram vacinas vencidas.

No Brasil, a campeã no uso de vacinas vencidas é Maringá, reduto eleitoral de Ricardo Barros (PP), líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados. A cidade paranaense vacinou 3.536 pessoas com o produto da AstraZeneca fora da validade (primeira dose em todos os casos).

Depois aparecem Belém (PA), com 2.673, São Paulo (SP), com 996, Nilópolis (RJ), com 852, e Salvador (BA), com 824. As demais cidades aplicaram menos de 700 vacinas vencidas, sendo que a maioria não passou de dez doses. DiegoEmir

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários