Um belo futuro

Carlos Brandão- Vice-Governador do Maranhão e Presidente Estadual do PSDB

Entre tantos compromissos institucionais, num movimento intenso em que cuidamos de tantas áreas, recentemente fui abordado por um senhor que me fez uma pergunta bastante pertinente e que quero compartilhar com vocês: o que podemos esperar do futuro do Maranhão?

Imaginem quanta informação deve ser analisada para que se possa formular uma resposta condizente com a profundidade do questionamento.

Bom, de cara me vem a expectativa gerada com tanto investimento que estamos fazendo na área da educação. Por todo o Maranhão, entregamos inúmeras Escolas Dignas. E, agora, ainda este mês, serão mais dezesseis novos equipamentos educacionais entregues. Sempre tendo a educação como prioridade, estamos ofertando a oportunidade de termos uma nova geração de maranhenses, com acesso ao ensino de qualidade e, para muitos, em unidades próximas às suas casas, sem precisarem se deslocar para outras cidades.

É algo que tem mudado, de muitas formas, a vida das famílias, que podem continuar tendo suas filhas e filhos bem perto. E pra ilustrar isso, cito o depoimento do jovem Arthur Abraão de Sousa Almeida, de apenas 18 anos. Morador da cidade de Cururupu, na baixada norte ocidental, Arthur não sabia bem como alcançar seus objetivos de futuro. Ao se tornar aluno do Iema, em sua própria cidade, viu muitas portas se abrirem. “Na escola, pude descobrir minhas habilidades e vi que estavam sendo valorizadas e enriquecidas”, descreve o Arthur, que ainda faz questão de ressaltar “o quanto as pessoas ao nosso redor nos ensinam sem nem se darem conta disso. Apesar das dificuldades, perseveramos e chegamos onde chegamos. E ainda iremos muito longe!”.

Claro, Arthur! Você e muitos outros que estão podendo desfrutar de um projeto tão moderno, ousado e desafiador.

O governador Flávio Dino definiu como meta criar uma rede de ensino técnico e profissionalizante que chegasse a todo o estado. Uma iniciativa que está mudando a história de muitos jovens, como o Arthur. Já são 49 IEMAs em 31 cidades, com ensino médio de tempo integral e 45 cursos profissionalizantes, atendendo a quase dez mil alunos. E por suas salas já passaram mais de sessenta mil estudantes. Um trabalho de muito fôlego, muito bem conduzido pelos profissionais da Secretaria de Estado da Educação.

Como diz uma velha música, “toda caminhada começa com o primeiro passo”. E respondendo àquele senhor, que citei no início, só tenho a dizer que, continuando esse sonho – que se transformou em realidade -, o Maranhão tem, sim, um belo futuro.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email