Lobao

A anunciada reaproximação entre o governador Flávio Dino (PCdoB) e o ex-governador José Reinaldo Tavares (PSDB) é mais um movimento que não se encerra em si mesmo, mas tem repercussão direta em 2022.

E é favorável a Carlos Brandão (PSDB), vice-governador e pré-candidato à sucessão do comunista.

Dino e Zé Reinaldo andavam rompidos desde a eleição de 2018, quando o ex-governador pretendia ter o apoio do chefe do Executivo estadual em sua candidatura ao Senado, mas viu o então aliado apoiar Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (Cidadania), que acabaram se elegendo.

Agora, comenta-se, Zé Reinaldo pode até mesmo desembarcar no governo Dino, como auxiliar.

Aliado de longa data de Brandão – o hoje vice-governador foi seu chefe da Casa Civil -, o ex-governador deve chegar ao Palácio dos Leões para reforçar o time da candidatura do tucano.

E se chega ao governo com aval de Dino, é mais um sinal da preferência dele para 2022. Do GilbertoLéda

1 comentário em “Reaproximação de Flávio Dino e Zé Reinaldo beneficia Carlos Brandão

  1. Quando a pessoa não sabe de nada da política e posta algo engraçado! Beneficiar Brandão kkkkkkkk. rindo até 2022.

    A sinalização de uma aproximação de Zé e Dino vem desde 2019. E agora está mais propensa por conta da necessidade de outra aproximação, a de Dino e Braide.

    Os manda chuvas acham que restabelecer esse vínculo entre o Zé e o Palácio dos Leões pode ser o começo da ponte entre A prefeitura de SLZ e o Palácio dos Leões.

    Mas isso é feito com sobrepontos pois tem outros lados em jogo.

    E Brandão nessa estória?
    Com certeza vai sair na foto.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.