Mulher perdoa pastor e mantém casamento após ser estapeada na cara e ameaçada de ”ficar banguela”

Na terça-feira (2), viralizou o vídeo do Pastor Nilton, de Minas Gerais, agredindo sua esposa e ameaçando-a deixar “banguela”.

Após a repercussão, o casal foi às redes esclarecer o caso. A agressão foi filmada em 2019 e, segundo a vítima, o pastor foi preso.

“Foi gravado no ano de 2019. No ano de 2020, Nilton foi preso e respondeu por Maria da Penha por causa dessa agressão”.

Eles continuam juntos e o agressor afirmou que “se arrependeu”: “Deus me restaurou, graças a Deus. Restaurou nosso casamento”.

O casal ainda anunciou ainda que irá processar quem publicou o vídeo nas redes novamente.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários