Ônibus tomba e mata 3 pessoas no município de Peritoró, BR-316

Um ônibus tombou na madrugada desta quinta-feira (16) e deixou três pessoas mortas na BR-316 no município de Peritoró, a 236 km de São Luís.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o tombamento aconteceu por volta das 3h desta quinta no km 430 da BR-316, em Peritoró, quando o veículo saiu da pista e tombou provocando a morte das três pessoas. O ônibus estava indo da cidade de Imperatriz para Timon quando aconteceu o acidente.

De acordo com informações dos policiais rodoviários, além dos três mortos mais oito pessoas ficaram levemente feridas após o acidente na rodovia estadual. A Polícia Rodoviária Federal já iniciou a investigação no intuito de descobrir as principais causas do acidente na BR-316. Por Acélio Trindade

Daniella Tema é eleita Procuradora da Mulher na Alema

Assecom / Dep. Daniella Tema

A deputada estadual Daniella Tema (DEM) foi eleita por unanimidade Procuradora da Mulher na Assembleia Legislativa do Maranhão, nesta quinta-feira (16), durante sessão extraordinária.

Daniella Tema, que coordena a Frente Parlamentar de Combate e Erradicação do Feminicídio, foi empossada no cargo pelo presidente da Alema, deputado Othelino Neto (PCdoB). A deputada ficará à frente da Procuradoria no restante do ano de 2021 e durante o ano de 2022.

Daniella disse que a nova função é de grande responsabilidade e que, a exemplo do trabalho que faz na Frente Parlamentar, não medirá esforços para atuar de forma intensa para promover as políticas públicas voltadas para as mulheres maranhenses.

“Desde quando cheguei à Assembleia tenho me empenhado na causa feminina, criando leis de amparo às mulheres do Maranhão e fortalecendo ações de combate à violência doméstica e ao feminicídio. Tenho convicção de que, através da Procuradoria da Mulher, vamos conseguir desempenhar um papel ainda mais importante. Tenho total consciência da minha responsabilidade na condução desse trabalho e, no que depender de mim, buscarei a união de todos os setores para fortalecer a garantia de direitos e dar mais proteção à mulher maranhense”, afirmou.

Ainda de acordo com a parlamentar, nos últimos anos a discussão de pautas femininas ganhou destaque no plenário da Alema. Na ocasião, Daniella elogiou a postura do presidente da Casa Parlamentar, deputado Othelino Neto, pelo relevante tratamento que dá aos assuntos relacionados à causa.

“O presidente Othelino Neto é um grande apoiador da luta feminina e sempre coopera para a implementação das políticas dedicadas à mulher e zela pela igualdade de gênero nessa Casa. Tenho certeza que nosso presidente continuará sensível à nossa causa e continuará contribuindo com nosso trabalho”, frisou Daniella.

Othelino, por sua vez, manifestou apoio à gestão de Daniella na Procuradoria da Mulher. “Desejo muito sucesso à colega Daniella nesta nova missão. Sei que a deputada exercerá essa função com muita competência e, com certeza, tem o apoio desta Presidência, para que execute de forma plena as ações da Procuradoria da Mulher”, disse.

O deputado Duarte Junior também se manifestou durante a votação. “Tenho alegria de dar meu voto favorável à deputada no sentido dela assumir a Procuradoria da Mulher. A deputada pode contar com meu apoio irrestrito. Com sua eleição, ganha a Assembleia Legislativa, ganha as deputadas deste estado e ganha a mulher maranhense”, destacou.

RECONHECIMENTO

A parlamentar ressaltou a gestão da deputada Valéria Macedo (PDT), autora da proposta que criou a Procuradoria da Mulher e que a assumiu durante os anos de 2017 e 2018, e a gestão da deputada Helena Duailibe (Solidariedade), que estava no comando do órgão até agora.

“A deputada Valéria Macedo foi quem deu início a todo este trabalho da Procuradoria da Mulher, onde o fez de maneira muito consistente. A deputada Helena Duailibe também desempenhou um brilhante trabalho, ocupando este instrumento da Assembleia. E, para mim, será uma grande responsabilidade ocupar este espaço deixado por elas. Quero prosseguir nesta missão com esse espírito de união, para que todas as mulheres desta Casa atuem junto na defesa da mulher maranhense”, ressaltou Daniella.

OBJETIVO DA PROCURADORIA DA MULHER

O órgão atua na defesa dos direitos das mulheres, recebe, examina e encaminha as denúncias de violência e discriminação contra a mulher às instituições competentes. Além disso, a Procuradoria da Mulher promove audiências públicas, realiza pesquisas, estudos sobre o cenário de violência contra o público feminino e participa de discussões sobre a criação de políticas públicas para mulheres.

Vulcão capaz de gerar tsunami no Brasil (Norte e Nordeste) entra em alerta amarelo de erupção

Autoridades espanholas elevaram para o nível amarelo o alerta de erupção do vulcão Cumbre Vieja, localizado na ilha de La Palma, na costa do continente africano. Segundo pesquisadores, o vulcão poderia provocar um tsunami que atingiria todas as Américas, com maior impacto sobre os litorais das regiões Norte e Nordeste do Brasil. A informação da elevação de nível do vulcão foi dada pelo portal MetSul Meteorologia e confirmada pelo UOL.

O vulcão está adormecido há décadas e começou a dar sinais de atividade moderada nos últimos dias. “Ele não estava dando sinais de erupção, mas agora ele chegou a um segundo nível. São quatro níveis de alerta. Ele pode vir a ter uma erupção, mas não significa que essa erupção vai gerar um tsunami, mas é uma possibilidade, mesmo que mínima”, explica o pesquisador do Instituto de Ciências do Mar da UFC (Universidade Federal do Ceará), Carlos Teixeira.

A hipótese de que um tsunami poderia ser causado pela erupção do Cumbre Vieja já foi confirmada em várias pesquisas sobre o tema. “Existem diversos estudos já publicados sobre essa possibilidade de tsunami. É uma hipótese real, e ela aconteceria caso houvesse uma erupção explosiva”, conta Carlos Teixeira. Segundo análise feita em estudo produzido no Departamento de Geologia da UFPR (Universidade Federal do Paraná) a Ilha de La Palma fica a 4.462 km de São Luís.

https://twitter.com/VolcansCanarias/status/1438118136600047625/photo/1

“Estima-se que a próxima erupção poderá desestabilizar a encosta da ilha devido a fatores como declividade do vulcão, volume de material mobilizado, fatores climáticos e principalmente, a uma zona de fraqueza existente que facilitará a ocorrência do movimento de massa”, afirma pesquisa feita na UFPR do geólogo Mauro Gustavo Resse Filho, que pesquisou o tema e publicou TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) em 2017.

Este movimento por sua vez, poderá ser capaz de gerar um tsunami que percorrerá distâncias transatlânticas e que atingirá o praticamente todos os países banhados pelo oceano Atlântico. A partir da modelagem de tal evento, obteve-se a informação que toda a costa brasileira será afetada.

Fonte: Uol

Advogado morto em Balsas havia comprado moto no valor de R$ 38 mil para o assassino

O assassino Lyncon Monteiro e a moto presenteada pelo advogado

As Polícias Civil e Militar continuam a caçada pelos dois assassinos do advogado Jaime Pereira de Souza, de 33 anos, em Balsas, a 803 km de São Luís. Lyncon Jackson Silva Monteiro, que trabalha como personal trainer e modelo; e João Vitor dos Santos Feitosa, pertencente a uma facção criminosa, estão foragidos e com prisão preventiva decretada.

Pelas informações da polícia, o advogado e Lyncon Monteiro tinham um relacionamento amoroso. O assassino levava uma vida de luxo e ostentação, sempre extorquindo o advogado. Recentemente, Jaime Pereira deu uma moto Yamaha, no valor de R$ 38 mil, para o namorado.

A motocicleta foi financiada em nome do advogado, que retirou o valor total de uma poupança para fazer logo o pagamento ao vendedor. Quando o dinheiro do financiamento foi liberado, o advogado pegou para repor o valor retirado da reserva pessoal.

Segundo o delegado Fagno Vieira, no contrato de financiamento havia uma cláusula de seguro que garantia a quitação, em caso de morte.

Na tarde de segunda-feira (13), o assassino confessou a autoria do crime e revelou o nome do comparsa. Lyncon Monteiro não ficou preso porque não havia mandado de prisão contra ele.

Antes de ser morto com um tiro na boca, na noite de sexta-feira (10), o advogado foi espancando e torturado dentro de sua própria residência. Em seguida, os assassinos saíram com o advogado, ainda com vida, em um veículo Corsa Classic, e levado para ser executado na zona rural.

O corpo foi encontrado na manhã de segunda-feira (13) em um matagal, às margens de uma estrada vicinal, entre os povoados São Cardoso e Jenipapo.

A polícia espera contar com a ajuda da população para localizar e prender os criminosos. Quaisquer informações devem ser repassadas para o 190. Eles vão responder por roubo, homicídio e ocultação de cadáver. DoGilberto lima

Operação da PF invade casa de prefeito no Maranhão

 Weba

Uma mega operação foi deflagrada na madrugada de hoje, 15, no município de Centro Novo. A operação que deu início por volta das 6h da manhã ocorre exclusivamente nas residências do prefeito da cidade, Júnior Garimpeiro.
As primeiras informações dão conta que a PF invadiu a casa de Garimpeiro na sede da cidade, na Avenida Ayrton Senna e uma outra equipe se deslocou para a região de garimpos do prefeito, no povoado Cipoeiro.
Júnior, que tem ostentado muito com festas privês com bandas nacionais, têm feito uma péssima administração, em 8 meses de gestão já tem a Polícia Federal na sua cola.Aguardamos mais informações sobre a operação. Do netoWeba

Suspeitos de matar advogado em Balsas são identificados e estão foragidos

O delegado Fagno Vieira, titular da 11ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Balsas/Ma, distribuiu uma nota nas redes sociais dando como certa a identificação de dois suspeitos envolvidos na morte do advogado Jaime Pereira de Sousa, que havia desaparecido na última sexta-feira (10) e encontrado morto em um matagal.

Os dois suspeitos, que já estão com a prisão preventiva decretada pela justiça, trata-se Lyncon Jackson Silva Monteiro, instrutor de academia, e João Vitor dos Santos Feitosa, homem com extensa ficha criminal, segundo o próprio delegado.

Sob o comando do delegado Fagno, as polícias Civil e Militar tentaram durante todo o dia de hoje (14) localizar e prender os dois suspeitos. Segundo ele, as prisões só não foram possíveis em razão das especulações sobre o caso. “Em virtude das especulações irresponsáveis sobre as iminentes prisões, eles não foram encontrados em seus endereços, sendo considerados foragidos da justiça”, disse.

Ainda segundo o delegado, os dois mandados de prisão foram encaminhados para toda região e estados vizinhos, e terá publicidade em todo país. Não há ainda informação precisa quanto a motivação do crime, que no momento está sendo tratado como roubo seguido de morte e ocultação de cadáver, podendo o caso ser completamente desvendado com as duas prisões.

Caso alguém tenha informação sobre o paradeiro dos dois suspeitos, por favor, contate a polícia pelo seguinte telefone 99 98495-1456

Sebastião Madeira deixa cargo no gabinete de Roberto Rocha e assume função no governo Dino

Sebastião Madeira possui 33 anos ininterruptos de filiado no PSDB; amizade com Brandão é antiga…

Uma das maiores lideranças da Região Tocantina irá assumir nas próximas semanas um cargo ainda não revelado no governo do Estado do Maranhão.

Trata-se do ex-prefeito de Imperatriz e ex-deputado federal Sebastião Madeira, uma das figuras mais respeitadas do PSDB nacional.

O líder político da segunda maior cidade do Maranhão é filiado ao ninho tucano desde 1988, ano da fundação do partido.

Ao  jornalista Coriolano Filho Glaucio Ericeira, Madeira explicou que pediu desligamento do cargo que ocupada no gabinete do Senador Roberto Rocha para assumir outro no governo Flávio Dino.

O tucano disse que sua decisão de se afastar politicamente do senador Roberto é decorrente do posicionalmente nacional do seu partido, que oficializou oposição ao presidente da República, Jair Bolsonaro, de quem Rocha é aliado.

O desembarque de Madeira no governo Flávio Dino tem digitais do vice-governador Carlos Brandão, amigo há décadas do ex-deputado federal. Aliás, os tucanos foram parlamentares. DomingosCosta

SORTE | Cantor maranhense ganha na loteria pela segunda vez em três meses

Pela segunda vez em menos de três meses, o cantor Edésio Nascimento, conhecido como “Milionário do Brega”, ganhou na loteria.
A mais recente aposta do sortudo, que é natural da cidade de Pinheiro, a 333 km de São Luís, foi em Imperatriz, segunda maior cidade do Maranhão, pela Lotofácil de Independência.
O sorteio especial do concurso ocorreu no último dia 11 de setembro, em São Paulo, e teve um total de 57 ganhadores espalhados por todo o Brasil que tiveram que dividir o prêmio estimado em R$ 150 milhões. Logo, cada aposta levou pra casa R$ 2.791.889,50.

Veja as dezenas sorteadas no concurso 2.320: 01 – 02 – 03 – 05 – 06 – 09 – 12 – 13 -15 – 17 – 21 – 22 – 23 – 24 – 25

Uma das 57 apostas vencedoras é de Edésio, que, na verdade, fez parte de um bolão de 50 cotas. Caso o prêmio seja dividido por valores iguais, cada apostador, incluindo o “Milionário do Brega”, deve faturar R$ 55.837,79. O curioso é que o maranhense já ganhado R$ 25 milhões na Quina de São João, em junho, em outro bolão.

Cerca de um mês após vencer o prêmio milionário, Edésio teve a casa assaltada. Durante a ação, objetos pessoais como joias e instrumentos musicais foram levados pelos criminosos. O prejuízo estimado, segundo a Polícia Civil, chegou a R$ 50 mil.

Fonte: G1-MA 

Por que Flávio Dino não veio para a comemoração do aniversário de Tuntum?

A assessoria de comunicação da Prefeitura de Tuntum divulgou com muita intensidade e alarde a presença do governador Flávio Dino (PSB) na festa de comemoração dos 66 anos da cidade, oportunidade em que participaria da inauguração de algumas obras ao lado do prefeito Fernando Pessoa (PDT), neste último domingo (12).

A suposta presença do governador gerou muita expectativa no grupo do prefeito, dando maior empolgação as atividades festivas e arregimentando maior número de pessoas para vê-lo possivelmente anunciar novos investimentos no município. Mas algo até agora não foi bem explicado sobre o que teria melado a visita do governador, que nessas situações raramente deixar de honrar seus compromissos, principalmente agora em que se aproxima a pré-campanha.

A editoria do blog ouviu alguns membros do grupo do prefeito, que inclusive pediram anonimato, e todos foram quase unânimes em afirmar que o motivo pode estar relacionado a presença do senador Weverton Rocha (PDT), que não teria sido anunciado no decorrer da semana. A possibilidade, segundo as informações colhidas, é que Flávio Dino teria desistido da visita ao saber da presença furtiva do senador, cancelando de imediato sua estada na cidade.

O governador, que está na iminência de anunciar seu candidato ao governo, possivelmente seu vice Carlos Brandão (PSDB), aparentemente não vem mantendo o mesmo relacionamento político com o senador pedetista, que já anunciou a revelia do Palácio dos Leões seu nome como pré-candidato ao governo. A resistência de Weverton em demover seus ideais em favor de Brandão, além de suas últimas e mal sucedidas declarações, parecem ter deixado o governador indiferente aos seus propósitos e apto para uma reação à altura.

A desistência do governador de pousar em Tuntum frustrou os planos do prefeito Fernando Pessoa e de seu grupo. Pessoa já tinha como praticamente certo que um de seus pedidos iria ser atendido pelo mandatário estadual, a construção de um hospital para o município, pedido que aparentemente já havia sido negociado, e Dino viria somente oficializá-lo e torná-lo público.

Mas quem falhou na estratégia mal elaborada? O prefeito Fernando Pessoa? Tudo leva a crer! Fernando talvez não pensou e não sabia do possível mal estar entre os dois, ou se sabia queria de qualquer forma ter as duas lideranças presentes. Teria sido este o motivo de não divulgar a presença de Weverton Rocha? Sendo estas alternativas ou não, o certo é que o prefeito pode ter perdido uma ótima oportunidade de conseguir algum investimento para o município. Teria sido mesmo um hospital, ou seria a ponte do bairro Mil Réis? Se foi um ou os dois, ainda há tempo suficiente para correr atrás e consegui-los…

Médica se recusa a fazer exame de corpo de delito e é conduzida à delegacia

O caso ocorreu no município de Icatu, no Maranhão.

Uma médica foi conduzida para a delegacia pela Polícia Civil do Maranhão na madrugada do último sábado (11) pelo crime de desobediência após se negar, sem justificativa, realizar o exame de corpo de delito em uma vítima de violência doméstica familiar. O caso ocorreu no município de Icatu, a 111 KM de São Luís.

De acordo com informações da 1ª Delegacia Regional de Rosário, a vítima chegou a sede da delegacia com diversas lesões no corpo e o delegado plantonista emitiu um Guia de Exame de Corpo de Delito para o Hospital Municipal de Rosário para produção do laudo e lavratura do auto de prisão em flagrante do agressor. Porém, a médica disse que não atenderia a vítima e que a mesma deveria retornar na manhã, no outro plantão.

O delegado, ao saber da recusa do atendimento, determinou a obrigação elaboração legal da confecção do laudo, após ser nomeada perita pela autoridade policial, de acordo com os artigos 277, parágrafo único, a, b, c, e artigo 278 do Código de Processo Penal.

O delegado também afirmou que a preocupação maior da Polícia Judicíaria Estadual nesses casos é a não “revitimização” da pessoa agredida, situação em que uma nova violência ocorre com a vítima, causada pelo Estado, representado por agentes públicos ou profissionais de saúde, que acolhem essa vítima.

Apesar das reiterações do delegado, a médica ainda mostrou resistência em realizar o exame e foi conduzida para a delegacia e elaborado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), pelo crime de desobediência.

A vítima de violência doméstica foi encaminhada para o Hospital Municipal de Bacabeira e foi atendida pela médica plantonista do hospital.

Fonte: O Imparcial fonte: Blog do Carlinhos

Corpo de advogado desaparecido em Balsas é encontrado; a suspeita é de assassinato

Por meio de uma denúncia anônima, as polícias Militar e Civil localizaram o corpo do advogado Jaime Pereira que estava desaparecido. Jaime havia sido visto na manhã de sexta-feira (10) fazendo compras em uma loja da cidade. A família passou a desconfiar que algo estava errado quando ligava para o celular do advogado e só dava na caixa postal.

Depois da localização do corpo, na manhã de hoje, as duas polícias passam a trabalhar para prender os suspeitos e envolvidos na trama criminosa, além de descobrir sua motivação.

Advogado Jaime Pereira

A suspeita de que poderia havido algo anormal, foi quando o procuraram em sua residência e não o encontraram. No imóvel, recem adquirido por Jaime, foi encontrado manchas de sangue em algumas partes da casa, deixando seus familiares apreensivos e nervosos.

Câmeras de segurança registraram a imagem de um veículo circulando em volta da casa ao menos quatro vezes. A ausência do do advogado em sua residência e as marcas de sangue encontradas fez a polícia acreditar que se tratava de um crime violento. Apenas um computador teria sido levado da residência entre tantos objetos de valor que lá se encontravam.

Com a localização do corpo, a polícia passa a trablhar para prender os suspeitos e desvendar por completo o caso. Jaime Pereira vivia, segundo os familiares, o melhor momento de sua vida. De família simples e humilde, ele conquistou os bens que tinha às custas de muito trabalho.

Comissão aprova proposta que destina precatórios de Fundef e Fundeb para salário de professores

Gustavo Sales/Câmara dos Deputados

Reunião deliberativa. Dep. Idilvan Alencar(PDT - CE)

Idilvan Alencar: “Os professores esperam esses precatórios há 15 anos”A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou proposta determinando que os recursos de precatórios do antigo Fundef e do Fundeb (o atual e o que vigorou até 2020), recebidos por estados e municípios, serão distribuídos conforme as regras de rateio dos dois fundos.

Esses precatórios têm origem em ações movidas pelos estados e municípios contra a União por discordâncias nos repasses dos fundos educacionais.

Com a medida aprovada, os recursos oriundos das decisões judiciais vão pagar a remuneração de profissionais da educação básica e despesas com manutenção e desenvolvimento da educação, como aquisição de material didático-escolar e conservação das instalações das escolas.

O Fundef (Lei 9.424/96) destinava 60% dos seus recursos para pagamento de salários de profissionais. O Fundeb, em sua fase provisória (Lei 11.494/07), manteve essa regra até o ano passado, quando entrou em vigor a regulamentação permanente do fundo (Lei 14.113/20), que ampliou o percentual para 70%.RegrasO texto acolhido na comissão é o Projeto de Lei 10880/18, do ex-deputado JHC (AL). O relator, deputado Idilvan Alencar (PDT-CE), apresentou um substitutivo reunido o projeto aos cinco apensados.

Ele afirmou que a nova redação contém os ajustes necessários para preservar o núcleo das propostas, harmonizando-as com a nova lei regulamentadora do Fundeb permanente. “Os professores esperam esses precatórios há 15 anos”, completou Alencar.O substitutivo determina que os recursos direcionados para o pagamento de salários vão beneficiar:- os profissionais do magistério da educação básica que estavam no cargo, com vínculo estatutário, celetista ou temporário, durante o período em que ocorreram os repasses a menos do Fundef (1997-2006), Fundeb (2007-2020) e Fundeb permanente (a partir de 2021);- os aposentados que comprovarem efetivo exercício nas redes públicas escolares, nos períodos acima, ainda que não tenham mais vínculo direto com a administração pública, ou seus herdeiros.

O valor destinado a cada profissional será proporcional à jornada de trabalho e aos meses de efetivo exercício na atividade, e não se incorpora à remuneração principal.

A proposta estabelece também que os estados e municípios definirão em leis específicas os percentuais e critérios para a divisão do rateio entre os profissionais beneficiados. Quem descumprir a regra de destinação dos precatórios terá suspenso o repasse de transferências voluntárias federais, como verbas oriundas de convênios.TramitaçãoO projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado agora pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Fonte: Agência Câmara de Notícias

TUNTUM 66 anos: Uma análise desde o prefeito Luisão ao prefeito Fernando Pessoa

A cidade de Tuntum completará 66 anos de emancipação política neste domingo, 12 de setembro, sob os olhares apaixonados de sua população, gente que de forma direta teve sua importância para tornar o município mais desenvolvido e competitivo no cenário regional, estando hoje entre os municípios de porte médio do estado como um dos mais destacados. Para chegar a esse patamar de crescimento, muitos fatores corroboraram, principalmente a luta de seu povo nas áreas da agricultura e pecuária, tendo hoje Tuntum um dos maiores rebanhos bovinos do estado, com o maior agronegócio da região, o que vem fortalecendo a economia e ampliando circulação de recursos.

Já com uma população um pouco avantajada, que conforme dados estatísticos do IBGE há no município 42.242 pessoas, a política teve importância fundamental como fator de desenvolvimento, dando estrutura e facilitando o crescimento econômico e social por meio do fomento de políticas públicas que contemplam as áreas mais carentes e desestruturadas, dando consequentemente melhores dias aos tuntuenses. Esse processo, mesmo de forma lenta e com muitas controvérsias, tem acalentado os sonhos de muitos cidadãos, gerando mais qualidade de vida e vislumbrando novas oportunidades àqueles que buscam novos espaços profissionais facilitados por meio da educação oferecida.

Sem o apoio da estrutura política talvez Tuntum seria hoje somente uma grande vila, ou uma pequena cidade mal estrutura, sem abastecimento regular de água, atendimento em saúde, educação e serviços estruturais adequados e condizentes com o desejo de seu povo. Muitos dos gestores que estiveram à frete da administração municipal tiveram sua contribuição de acordo com a demanda de recursos recebidos, alguns com poucos e outros com muito.

Sem menosprezar os demais, mas as gestões do município passaram a ganhar maior visibilidade, sendo mais percebida pelos munícipes, inicialmente, com o ingresso do prefeito Luís Coelho Batista (Luisão), autor das primeiras obras de valor social, entre elas o posto telefônico da Telma, calçamento de muitas ruas da cidade, sinal aberto de Tv e construção de escolas. Hélio Araújo foi mais dinâmico, pavimentou quase toda cidade com serviços de asfaltamento, à época um fato excepcional, algo quase que incomum, além de ter ampliado a construção de novas escolas e aberturas de estradas. Apesar de popular, Bento Teixeira não foi tão audacioso, deixou como seu maior legado a aberturas de algumas estradas e a construção do colégio José Teixeira, então maior escola do município.

A ascensão de Cleomar Tema pós Bento Teixeira passou a ser um marco na administração do município. Jovem e com ideias de mudanças, Tema Cunha dinamizou o modelo de gestão elevando o grau de confiança do povo em seu trabalho, tornando Tuntum um grande canteiro de obras de um extremo ao outro, passando a ser o prefeito mais popular e de maior aceitação da história do município. Nesse primeiro mandato, Tuntum se desenvolveu em todas as áreas, precisamente nas áreas de saúde, educação e infraestrutura.

No seu segundo mandato, Tema deu sequência as suas conquistas, mesmo sem a mesma intensidade, mas muito foi feito, deixando a gestão com alta popularidade. Ao certo, as cinco gestões de Tema Cunha foram marcantes, uma mais do que outras em razão de cada realidade, situação e momento, havendo também vários atropelos, o que fez reduzir pouco a pouco sua força política, uma consequência do tempo que propicia o próprio desgaste.

Antônio Pires Léda Neto não decepcionou, sua gestão foi marcada por grandes obras na sede e zona rural, uma delas foi a construção do primeiro ginásio poliesportivo coberto de toda região. Além da boa aceitação popular que cultivou em face do carismático relacionamento com o povo. Não fosse o clima de tensão que foi gerado em seu governo por divergências internas do grupo e uma melhor organização no secretariado, Pires teria terminado seu mandato com a aceitação nas alturas. Mas, sem sobra de dúvida, sua gestão foi significante para desenvolver o município.

Francisco das Chagas Milhomem da Cunha, o popular Chico Cunha, foi eleito com o apoio do primo Tema Cunha, mas Chico já tinha um bom capital político pelo ótimo desempenho à frente da Secretaria de Agricultura, passando sua candidatura a ser pouco a pouco uma unanimidade dentro do grupo. Chico Cunha também teve enorme contribuição para o crescimento de Tuntum com obras impactantes: construção do mercado municipal, 10 escolas de porte elevado na região do sertão e construção e restauração de muitas estradas. Chico, talvez vislumbrado com o poder ou se vendo com poucas forças financeiras, já que o número de funcionários era muito alto, recuou do seu contato direto com o povo, que era seu ponto mais forte, administrando de forma discreta e distante, o que fez achatar sua popularidade e lhe afastar do povo. Mas mesmo diante da existência desses problemas, Chico Cunha foi um grande construtor, cooperou bastante para o progresso do município.

Após 28 anos Tuntum elegeu um prefeito de oposição, Fernando Teles Pessoa. A sua ardilosa missão é a de dar continuidade a esses longos anos de contínuo desenvolvimento, com possibilidades de fazer até mais que seus antecessores, já que a demanda de recursos é mais ampla e sua estratégia de gestão com um número reduzido de servidores lhe dará maior oportunidade de investimento com os recursos que sobram. Sinceramente, os nove meses de gestão de Fernando Pessoa não é decepcionante, é mais positiva do que negativa, logo porque o tempo é muito curto para tanta ação, mas mesmo assim, mediante o possível, boas obras já têm sido executadas, por mais que não sejam de grande impacto, e sim de forma organizacional, exceção a pavimentação do residencial Desembargador Cleones Cunha.

Se observarmos, a cidade está mais ‘polida’, os pequenos detalhes que dão esse realce estão sendo incrementado gradativamente com pequenas construções, dando assim uma visão de que há organização. Percebe-se que o corpo administrativo também está bem sintonizado, dispensando um bom atendimento ao público que o procura. Se formos sensatos e coerentes daremos uma média 8 ao inicio de trabalho de Fernando Pessoa, logo porque os demais detalhes, os mais complexos, poderão ser contemplados no decorrer do tempo, claro que isso vai depender de sua disposição e o apoio que lhe darão.

Mas como a vida não é só de flores, Pessoa tem se atropelado com as próprias pernas ao deixar de fazer o que prometeu e não esclarecer certas situações classificadas como embaraçõsas no trato direto com o dinheiro público, dando maior transparência nas despesas, até agora pouco reveladas, já que sua campanha foi marcada por denunciar falta de transparência da gestão anterior. Essas situações um pouco nebulosas podem ser solucionadas a qualquer tempo, basta querer, pois não depende de ninguém, somente de sua simples vontade.

Em síntese, é negativa ou positiva a gestão de Fernando Pessoa nesses 9 meses? Positiva! Claro que carece de melhoras e retoques, principalmente nas áreas mais cobradas: educação (completa reforma das escolas que já eram pra ter sido feitas); saúde (dinamizar o atendimento cirúrgico no hospital Rafael Seabra e disponibilidade de médicos no interior); infraestrutura (ampliar os serviços de pavimentação asfáltica no interior, matadouro e outras promessas que fez). Sem paixão e partidarismo, mesmo com o pouco tempo, boas obras já foram executadas, agora a população deve aguardar um pouco mais esperando uma maior reação da gestão no decorrer do tempo.

Diante da exposição do que já foi conquistado e dos muitos problemas no gerenciamento da máquina pública, Tuntum nesses seus 66 anos de emancipação ainda é um município vitorioso, cresceu bastante deixando muitos concorrentes para trás, pena que sua localização geográfica lhe isola um pouco e não favorece maior abertura e crescimento aconômico.

Tambaqui e pacu tem venda proibida no Pará por suspeita de provocar a doença da urina preta

Peixe tambaqui

Fonte: UOL

Uma determinação da Prefeitura de Juruti, município do oeste do Pará, está dividindo opiniões e causando prejuízos para pescadores e restaurantes locais. Está proibido, por tempo indeterminado, a venda e até o consumo dos peixes pirapitinga, pacu e tambaqui, os mais populares na região. A decisão é uma prevenção à doença de Haff, conhecida como doença da “urina preta”. Desde que um caso suspeito foi notificado no município vizinho de Santarém, há duas semanas, as vendas já vinham caindo. No Pará, três casos suspeitos estão sendo investigados, sendo um em Santarém; um em Trairão e um na capital, Belém.

Em Santarém, a vítima é um homem, que morreu após apresentar sintomas compatíveis com os da doença. Nos outros dois casos, os pacientes foram atendidos e estão fora de perigo. Amostras foram encaminhadas para análise e aguardam resultado.

Juruti tem apenas uma cooperativa de pescadores artesanais, a Z-42, que reúne quase mil integrantes, que dependem desse trabalho para o sustento da família. Segundo o presidente da cooperativa, os meses de agosto, setembro e outubro são os que a pesca dessas três espécies é abundante.

Segundo o presidente da cooperativa Renato de Melo, o estoque de pescado armazenado varia de pescador, mas alguns podem perder até 200 quilos com a proibição. O presidente da colônia de pescadores diz ainda que a medida afetou até as vendas de outros tipos de peixe. “Quando começou a correr o boato, as pessoas ficaram com medo e não queriam mais comprar nenhum tipo de peixe.

Como saída para tentar evitar os prejuízos, desde então o restaurante vem tentando incluir pratos com outras proteínas no cardápio como calabresa, bisteca de porco. “Mas o problema é que o peixe é mais barato e, do jeito que está, o preço da carne não dá para colocar. A gente vai aguentando até sei lá quando, mas tem que acatar a decisão.

Doença de Haff

A Síndrome de Haff é provocada por uma toxina encontrada em alguns peixes como o tambaqui, o badejo e a arabaiana ou crustáceos (lagosta, lagostim, camarão), quando ele não é armazenado de forma correta. No Brasil, o local com mais concentração de casos suspeitos é o Amazonas.

A principal forma de prevenção é evitar o consumo de pescados ou crustáceos de origem, transporte ou armazenamento desconhecidos. Em caso de aparecimento dos sintomas, após o consumo desses produtos, procurar imediatamente uma unidade de saúde.

Flávio Dino: pesquisas explicam recuo de Bolsonaro

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), explicou, na noite de quinta-feira, 9, o motivo do recuo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), após o extremo tensionamento das relações com o Supremo Tribunal Federal (STF).

Auxiliado pelo ex-presidente Michel Temer (MDB), o chefe do Executivo federal divulgou uma “Declaração à Nação”, na qual afirmou que não teve “nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes” e justificou que suas palavras “por vezes contundentes, decorreram do calor do momento”.

O tom pacífico, no entanto, durou poucas horas. Já na sua tradicional live semanal, ele voltou a atacar, por exemplo, o ministro Luís Roberto Barroso, presidente do TSE (reveja)

Segundo o governador maranhense, a nova postura do presidente tem relação com a queda da sua popularidade, atestada em pesquisas – mesmo após os atos de 7 de setembro, em que milhões de brasileiros foram às ruas em seu apoio.

Pesquisas realizadas ontem e hoje mostram queda da aprovação de Bolsonaro. Tal fato e a sua conhecida covardia explicam o “recuo”. Que não é sincero e por isso ninguém sabe quanto dura. De todo modo, espero que ele se dedique a um tema que lhe é estranho: TRABALHO. Imirante